Novamente o Ibovespa cai 2% após corte da Moody’s

moodysA Moody’s acompanhou outras duas agências de classificação de risco e retirou o selo de bom pagador do Brasil.

A agência de classificação de risco Moody’s rebaixou nesta quarta-feira (24/02) a nota de crédito do Brasil para abaixo do nível de investimento, e retirou o selo de bom pagador do país. A empresa cortou a nota do país em dois degraus, de “Baa3”, último nível de grau de investimento, para “Ba2”.

A Moody’s seguiu movimentos semelhantes feitos recentemente pela Standard&Poor´s e a Fitch, respectivamente em setembro e dezembro do ano passado.

O Brasil cada vez mais perde espaço e respeito no exterior. Se não houver uma mudança drástica nesse Governo o país estará fadado ao completo insucesso, sem capital estrangeiro entrando e aquecendo a economia. O selo de bom pagador é uma chancela que demonstra o reconhecimento de que um país é um lugar seguro para investidores. Assim, é requisito mínimo exigido por fundos de investimento e de pensão para aplicar em títulos da dívida de nações.

No mercado internacional, investidores solicitam que a aplicação seja considerada grau de investimento por, pelo menos, duas das grandes agências internacionais de classificação de risco.

Essa queda de indicador reflete a perspectiva de piora nas contas brasileiras num cenário de baixo crescimento da economia, com a dívida do governo provavelmente superior a 80% do Produto Interno Bruto (PIB) em três anos.

A queda da avaliação do Brasil trará reflexos negativos no fluxo de investimentos de fundos do exterior, já que a avaliação das agências de classificação de risco – mesmo que tenham recebido diversas críticas pelos erros cometidos durante a crise de 2008, quando deram notas boas a bancos prestes a falir – funcionam como um termômetro de grande parte do mercado internacional.

A nova classificação deverá resultar em mais dificuldades para que empresas nacionais tomem empréstimos no exterior e que o governo brasileiro tenha que pagar juros mais altos para atrair investidores dispostos a comprar títulos da dívida pública. Quanto melhor a nota, menor será o custo da dívida para o país.

A inépcia do atual governo brasileiro está levando o Brasil a um poço sem fundo. É urgente a retirada dos atuais governantes do poder, para que se possa vislumbrar um início do recrudescimento da economia do Brasil.

Anúncios

1 comentário Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s